O conjunto de três caixas hermáticas Birdbox já estão disponíveis nas lojas Auchan e, além do objetivo de combater o desperdício alimentar, têm também um carácter solidário. Por cada recipiente vendido, 1,5€ reverte a favor da Cruz Vermelha, que vai oferecer refeições a quem mais necessita. Na missão do combate ao desperdício no terreno, a Auchan tem como parceiro a Zero Desperdício, que ajuda diariamente a escoar o excedente alimentar para quem mais precisa.

A iniciativa surge sob o mote “Estarmos juntos não é para desperdiçar”, tendo em conta que só em Portugal, cerca de um milhão de toneladas de alimentos vai para o lixo, todos os anos, o que corresponde a 50 mil refeições diárias. Mais de 30% do desperdício alimentar acontece em casa, no seio familiar.

Em comunicado de imprensa, a Auchan esclarece que “com esta ação, pretende incentivar os consumidores a conservarem e partilharem os alimentos não consumidos com a família, amigos e até colegas de trabalho, e sensibilizá-los para a necessidade de, juntos, combater o desperdício alimentar ao longo de todo o ano”.

Produzida em Portugal, a Birdbox é composta por 3 caixas herméticas de diferentes tamanhos, em plástico sem BPA, e está à venda por 4.99€. A Birdbox inclui ainda um guia digital com dicas e receitas para ajudar os portugueses a combater o desperdício nas suas casas.

desperdício

A redução do desperdício é um compromisso da Auchan Retail Portugal, que aposta numa gestão operacional rigorosa e na formação dos seus colaboradores para minimizar perdas. No âmbito da estratégia ‘Desperdício Zero’, a empresa desenvolve iniciativas que passam por uma oferta comercial que permite ao cliente comprar apenas a quantidade que necessita, como é o caso da venda avulso, ou comprar produtos, cuja data de validade se aproxima do fim, com desconto. Na área self-discount, são também vendidos frutas e legumes com características estéticas que, por norma, retirariam estes produtos do circuito comercial.

A Auchan comercializa ainda vários produtos de economia circular, como é o caso do bolo de banana vegan, disponível em todas as lojas com fabrico próprio, produzido com bananas demasiado maduras da loja. Esta iniciativa já permitiu aproveitar perto de uma tonelada de banana e evitar a emissão de mais de 2,3 toneladas de CO2.

Por sua vez, o projeto ‘Pão para Culinária’ possibilita a venda de pão do dia anterior a um preço mais baixo, que pode depois ser utilizado para culinária. Já os pães com mais de dois dias são transformados em pão ralado. Até à data, foi evitado o desperdício de perto de 45 toneladas deste alimento.

A retalhista tem também parcerias com diferentes empresas e associações, como a Zero Desperdício, que ajuda a encaminhar os seus excedentes alimentares para quem mais precisa. Em 2020, foram doadas mais 2,1 mil toneladas de produtos alimentares que apoiaram cerca de 150 instituições, de norte a sul do país. Em parceria com a Too Good To Go, são ainda disponibilizadas Magic Boxes em 32 hipermercados/supermercados e 26 lojas MyAuchan, uma iniciativa que já salvou cerca de 100 mil refeições e evitou a emissão de mais de 250 toneladas de CO2 equivalentes.

Artigo anteriorEuropa quer reduzir dependência das importações de lítio e cobalto
Próximo artigoAIR4, o Renault 4 “voador”: do passado para o futuro

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of