Aproveitando o contexto da realização do Salão automóvel de Híbridos e Elétricos, que decorreu no passado fim de semana no Porto, a Nissan apresentou o seu novo elétrico Ariya.

O modelo, de 4.595 mm de comprimento, chegará aos clientes portugueses no verão de 2022 e o período de encomendas irá abrir em janeiro.

O Ariya será comercializado com dois sistemas de tração (dianteira com um motor e quatro rodas, com esta versão e-4ORCE a ser dotada de um motor por eixo).

Ariya terá dois tipos de bateria e cinco níveis de potência

Este crossover 100% elétrico irá dispor de dois tipos de bateria (de 63 kWh ou de 87 kWh de capacidade útil) e cinco níveis de potência: 160 kW/300 Nm, 178 kW/300 Nm, 205 kW/560 Nm, 225 kW/600 Nm e 290 kW/600 Nm (esta última, uma versão Performance com base na bateria de 87 kWh).

A autonomia média irá dos 360 km (variante de bateria de 63 kWh com tração dianteira) aos 460 km (versão com tração frontal e bateria mais potente).

Em termos de prestações, o Ariya de 63 kWh cumpre os 0-100 km/h em 7,5 segundos e chega a 160 km/h. Já o modelo de 87 kWh “sprinta” dos 0-100 km/h em 5,1 segundos, alcançando os 200 km/h de velocidade de ponta.

Dois tipos de carregadores

Uma diferença relevante entre as duas versões de bateria do modelo é que o Ariya de 63 kWh tem um carregador de 7,4 kW, ao passo que a variante de 87 kWh apresenta um carregador mais rápido, de 22 kW.

Também a capacidade da bagageira há diferenças: 468 litros para a versão 4×2 e 415 litros para a unidade 4×4.

Não há preços ainda, embora, atendendo aos principais concorrentes que se perfilam que o modelo venha a ter (Hyundai Ioniq 5 e Kia EV6), poderemos esperar valores a rondar os 40 mil euros.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of