O Electrão e a Hotpoint, do grupo Whirlpool Portugal, plantaram, em Fevereiro deste ano, 2500 árvores no Parque Natural de Sintra-Cascais. Desde então vê-se ali a crescer uma floresta composta por: medronheiros, murtas, aroeiras, pilriteiros, sobreiros, folhados, adernos-de-folhas-estreitas, carvalhos-alvarinho e carvalhos-negral.

Alguns meses após esta sua primeira iniciativa as referidas entidades juntaram-se à Associação Plantar uma Árvore e regressaram ao Parque Natural de Sintra-Cascais com o intuito de assegurar a manutenção das espécies plantadas e controlar a vegetação competidora que as rodeia.

O Diretor-geral do Electrão defende que “esta ação de manutenção da área reflorestada é a prova de que esta é uma campanha que também precisa de ser cuidada”. Por essa razão, acrescenta Pedro Nazareth, “vamos continuar a unir esforços para contribuir para um território mais verde e limpo”. Nomeadamente “através da promoção da necessidade de reencaminhar corretamente para a reciclagem os equipamentos elétricos usados”. Uma medida a ser tomada “em defesa da saúde humana e do ambiente”.

No que toca a esta campanha os objetivos são bem claros: promover a floresta nativa e reforçar a sua sustentabilidade com a plantação de espécies vegetais autóctones. Uma estratégia usada para se potenciar a biodiversidade e a própria resiliência face aos incêndios florestais.

Segundo afirma o Marketing Manager da Whirlpool Ibéria, a sustentabilidade é um pilar muito importante para esta empresa. “Trabalhamos diariamente não só para melhorar a vida em casa, através de produtos inovadores, mas também para cuidar das nossas comunidades e do nosso meio ambiente”, assegura Lluis Diaz.

Ainda no âmbito da ação de campo que desenvolveu em parceria com a Electrão e a Associação Plantar uma Árvore, o representante da Whirlpool Ibéria confessa que a sua equipa está “orgulhosa por contribuir para a promoção de mudanças a nível ambiental e social”. Este género de campanhas, do seu ponto de vista, demonstram o compromisso ambiental do grupo.

Artigo anteriorAutocarros elétricos em Lisboa: por cada quilómetro percorrido evitam-se 1,5 kg de CO2
Próximo artigoThe House of Cool lança elétricas CAKE que são… uma delícia

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of