A Arval realizou uma parceria ambiental a nível mundial com a ClimateSeed, através da qual passa a possibilitar uma modalidade dos seus clientes compensarem as emissões de CO2 das suas frotas.

Tudo através da disponibilização de um catálogo de projetos certificados e centrados na redução carbónica.

“As consequências das mudanças climáticas já são visíveis e estão a acelerar. Alcançar a neutralidade global de carbono até 2050 parece ser a solução para atingir as metas de 1,5 ° C presente no Acordo de Paris. As organizações e a sociedade podem contribuir como um todo para a neutralidade carbónica global através de duas alavancas essenciais: uma redução das emissões globais e um aumento dos sumidouros de carbono. As organizações devem, portanto, primeiro medir as suas próprias emissões de CO2, reduzi-las e contribuir positivamente para o clima através do apoio a projetos que reduzam o CO2 para emissões residuais”, salienta a Arval.

A Arval tem, aliás, apoiado os seus clientes na sua transição energética por meio da abordagem SMaRT (Metas de Mobilidade Sustentável e Responsabilidade).

Tipos de projetos

“Ao implementar esta metodologia, os clientes podem encontrar emissões residuais de CO2 que não serão capazes de eliminar a curto prazo. Portanto, a participação em projetos de redução de CO2 torna-se fundamental. Estes incluem a conservação das florestas, o reflorestamento, a eficiência energética, a energia renovável, os projetos comunitários e a gestão de água e de resíduos”, explica a empresa.

“A ClimateSeed é o primeiro projeto de Empreendedorismo Social lançado em colaboração com a equipa vencedora do Prémio Nobel da Paz do Prof. Yunus e uma subsidiária a 100% do Grupo BNP Paribas, reinvestindo todos os seus lucros em projetos ambientais. A oferta da ClimateSeed complementa a abordagem SMaRT da Arval, indo além de uma solução de medição e de redução, e oferecendo a possibilidade de contribuir para projetos de redução de carbono com fortes impactos sociais e ambientais”, acrescenta em comunicado a Arval.

Esta parceria entre as duas empresas consiste em cinco etapas:

● Através da abordagem SMaRT, as equipas da Arval Consulting podem estabelecer um plano de redução das emissões de CO2 para a frota dos seus clientes.
● As equipas da Arval Consulting vão calcular a sua nova pegada de carbono.
● Para compensar as potenciais emissões residuais de CO2, os clientes vão ter acesso gratuito à plataforma ClimateSeed.
● Os clientes poderão selecionar e contribuir para projetos certificados de redução de CO2 por meio da plataforma ClimateSeed e obterão um certificado dos projetos apoiados.
● Para que os clientes mostrem as ações que realizaram, vão também receber um kit de comunicação externa e interna.

“Estamos muito felizes por lançar esta nova cooperação com o nosso parceiro natural ClimateSeed, uma vez que ambos fazemos parte do mesmo Grupo, o BNP Paribas. Num ambiente onde a fiabilidade é essencial, é determinante oferecer aos clientes da Arval a possibilidade de trabalharem com um parceiro climático confiável para atingir seus objetivos de Responsabilidade Social Empresarial”, afirma Shams Dine El Mouden, Diretor de Consultoria da Arval.

“A ClimateSeed tem orgulho em ser o parceiro climático da Arval e fornecer aos seus clientes uma solução para acelerar a transição para uma mobilidade mais verde. A descarbonização e a contribuição para projetos de redução de CO2 são passos necessários para alcançar a neutralidade carbónica global. Todos os projetos não têm apenas impactos ambientais e sociais positivos, mas também apoiam as comunidades locais e protegem o planeta e sua biodiversidade”, destaca Sébastien Nunes, CEO da ClimateSeed.

Artigo anteriorUrbanGlide lança bicicleta elétrica pensada para público feminino
Próximo artigoGalp e Habitat Invest criam parceria para mobilidade elétrica em edifícios

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of