Para além do R5, a Renault está apostada em recuperar outro ícone seu, como um veículo elétrico, o R4.

Neste artigo já adiantávamos esse cenário e a agência Reuters, citando duas fontes, garante a viabilidade da reinvenção elétrica do 4L, como um rival do Mini e Fiat 500.

A estratégia visa aproveitar pontos fortes da herança da Renault para projetar BEV de sucesso.

A Reuters não acrescenta mais dados sobre os modelos, mas é de admitir que o 4L, à semelhança do R5, recorra à plataforma CMF-B-EV da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi e que será utilizada em primeiro lugar na versão de produção do crossover Megane eVision.

Para já, ainda não há um vislumbre oficial de como esta reinterpretação do ícone poderá aparentar, dado que ainda não existe publicamente um concept. Contudo, o interesse do tema levou o designer independente David Obendorfer a imaginar como poderia ser essa viatura, sendo essas as imagens que exibimos aqui.

Para um público mais focado no estilo

Tal como De Meo fez quando liderava a Fiat (designadamente com o 500), também na Renault a aposta passa por reviver nomes de modelos clássicos como uma maneira do construtor lançar EV para um público mais focado no estilo.

Do lado da Renault, não há comentários, todavia, olhando para o trabalho feito pela Renault Design e Renault Classic com o “Renault 4L e-Plein Air” pode supor-se que a ideia de um 4L elétrico já andaria no ar.

Este concept de 2019 é uma interpretação contemporânea do mítico Renault 4L na sua versão descapotável “Plein Air” dos anos 60, só que adaptada às exigências atuais, tendo propulsão elétrica.

A versão descapotável “Plein Air” dos anos 60

Mantendo o “respeito” pelas diminutas dimensões do motor do 4L original, o protótipo e-Plein Air não fazia da potência o seu maior trunfo, desenvolvendo 17 cv a partir da bateria de 6,1 kWh, atingindo uma velocidade máxima de 80 km/h.

O 4L Electric que se aguarda que venha a ver a luz do dia deverá ter, porém, prestações mais condizentes.

Quando é que chegará?

Em termos de chegada ao mercado, é expectável que o 4L Electric seja introduzido entre 2024 e 2025.

4L faz 60 anos em 2021

É bem possível que haja novidades (e eventualmente até um protótipo) do modelo este ano. Isto porque 2021 fica marcado pelo 60º aniversário do modelo.

O 4L é um modelo mítico, com mais de 8 milhões de unidades vendidas, em mais de 100 países e durante mais de 30 anos. Nasceu em 1961

Para o 60º aniversário da 4L, a Renault construiu, de resto, um programa oficial, com vários momentos que ocorrerão, nas redes sociais, ao longo dos meses do ano.

Dois momentos saltam à vista: em setembro, o serviço de “carsharing Zity” acolherá a 4L, num inédito encontro elétrico.

E em novembro, a 4L Fourgonnette (variante comercial) reserva, também, uma surpresa.

4L Fourgonnette

A marca, para já, não adianta detalhes, mas não nos admiraria que numa dessas ocasiões, a Renault pudesse destapar o véu sobre o projeto elétrico da nova 4L. Até porque esse futuro elétrico poderá também ter uma versão comercial compacta a pensar nas entregas urbanas, na linha do Kangoo Z.E..

Teremos de aguardar pelos próximos meses para saber por novidades.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of